Quarta-feira, 16 de Setembro de 2009

Acabei por adormecer nos teus braços sem te dizer o quanto gostei da noite.

 

Fim de tarde entro em casa e largo a bolsa na primeira cadeira que encontro. Dirijo-me à casa de banho e tropeço no gato- desculpa lá pá!- Um chuveiro rápido e secar cabelo já não há tempo, seca à temperatura ambiente enquanto faço uma maquiagem abstracta, porque verde é cor que não combina com os meus olhos! Agora vai assim. Atiro-me ao guarda-roupa, saia curta ou comprida ? calção ? vestido? Não! Uma calça de ganga, uma camisa e sandálias. Olho-me ao espelho : simples e sem adornos, como tu gostas! O perfume novo e já estou na rua. Enquanto conduzia preparava o discurso, não te queria aborrecer e não queria estragar a noite, mas tinha que te dizer que à semana é complicado, que existe uma rotina que existem ensaios, filha, refeições, casa, roupas, gatos...

 

Cheguei. Atrasada, claro! Do outro lado da rua sorrias, tranquilo. -  Estás linda! - Eu tinha discurso preparado? eu?! esqueci tudo! Estás sempre sereno nos meus dias maus. È tão bom ter-te assim.

 

Não te quero como mais uma tarefa da minha rotina, por isso tenho reservado  para ti um tempo especial, é pequenino eu sei, mas é só nosso. E faz um favor ,sempre  que te apetecer,  atrapalha esta estupida com jantares inesperados acompanhados de bom vinho.

 

 



publicado por Ortlinde às 07:39 | link do post | comentar

5 comentários:
De Mª dos Prazeres, Santa Comba Dão a 17 de Setembro de 2009 às 09:14
Esse ca noijo é pra mim, é, é???...


De Brunhild a 22 de Setembro de 2009 às 14:50
Oh soutora, mania da perseguição?! Não, não era para si.


Comentar post

mais sobre mim
cavalgadas recentes

Álbum: raízes

hold on to your dream

O efeito Gabriela

Cindafuckin'rella, precis...

Sonata de Outono

Olá!

...

paradoxos, incongruências...

espreitar

não gosto

ás vezes

O supremo verbo da humani...

as coisas que eu ouço

e esse Natal, como foi ?

Albúm de fotografias

reencarnação deferida

retratos da vida a 2

Toc Toc ?

leva-me aos fados

in a dark place #1

comentários recentes
A perda não foi minha. Esta, pelo menos. Mas um di...
Vive-se segurando a dor na dor dos outros. Tentand...
ah pois é! :)
ahhhh... a bela juventude!!! :P
e tu achas que eu não penso nisso? tenho mais medo...
porque alguém - Walt Disney?! - nos disse que para...
a ver por algumas parideiras que por aí e por aqui...
sim, se assim não fosse a humanidade não existia. ...
Maria, obrigada por leres o nosso blog. Beijinhos
Qual é o supremo verbo da humanidade, parir?!...Se...
outras cavalgadas
cavalgadas arquivadas
subscrever feeds